Register | Lost password?
Ainda mama no peito com 02 anos e 4 meses.
23-03-2008
2:24 pm
ninefrota

Meu filho ainda mama no meu peito, e não é só para dormir não, toda hora ele quer mama, é um chamego, sabe? Poxa, já me incomoda bastante, fisica e psicologicamente. Já tentei falar que estava dodói e colocar esparadrapo, mas ele chorava muito à noite. Não sei mas o que fazer!!!!

10-04-2008
5:28 pm

Olá,
Infelizmente minha filha não mamou mais que 6 meses… simplesmente não queria mais, eu insisti, mas ela recusou.
Minha cunhada passou alho nob seio para ficar com gosto ruim e o Davi acabou largando sem trauma, mas não sei se eu teria coragem… a pesar que alho não faz mal. Sinto muito não sei o que te dizer..
Cá entre nós, ele é um privilegiado!!!
Boa sorte!!!

23-03-2008
4:43 pm

Olá. Meu filho mamou até um ano e um mês. Eu que coloquei um ponto final se não estaria mamando até hoje. Te digo uma coisa nós é que temos que ser fortes e não sofrer com a situação, vc tem que se propor a tira-lo do feito ser muito forte e fazer e não amolecer. O meu foi muito fácil, eu ja fui dizendo durante o dia e não dei o peito durante o dia tbem, " olha filho não tem mais leite aqui agora vc vai tomar mamadeira", (detalhe ele não toma leite, só danone e leite de soja com sabor), no 1 dia a noite ele chorou muito para dormir, mas eu fui forte e ele dormiu soluçando, acordou durante a madrugada chorou e não dei ofereci danone, + 1 vez ele dormiu chorando, acordou de manhã e pediu disse que não tinha mais, durante o dia ele pedia puxava a blusa e disse que não tinha mais, ai ele foi esquecendo e só me deu trabalho na primeira noite mas depois passou a não pedir mais e foi muito fácil 1 noite de choro e só.
Sabe nós é que somos fracas e achamos que eles vão sofrer muito, mas na verdade nós e que damos mal costumes para nossos filhos, pense nisso e esteja disposta a realmente tira-lo do peito.
Força que vc consegue.
Bjus e boa sorte

23-03-2008
5:19 pm

Oi tenho dua filhas uma de 23 anos e outra de 8 anos minha primeira filha mamou até 2 anos a mais nova até 2 anos e 4 meses,sei que é difícil a gente não dorme bem e fica bem esgotada,mais eu acho que é a melhor coisa do mundo amamantar um filho,amamantar é um ato de amor,a criança que mama no peito fica mais achegada a mãe,criança que mama no peito tem mais saúde,não contrai dengue,porisso vale apena.bjs

23-03-2008
9:59 pm
liliangia

Com certeza não tem coisa melhor que amamentar, sinto saudade sempre, porém 1 ano é suficinete amamentar.

24-03-2008
1:53 pm

Meu filho mama ainda no peito ele tem um ano e dois meses, estva disposta a tirar , mas a sua garganta começou a infeccionar.
Resolvi contiuar, pois a médica me falou se eu não estivesse amamentando ele teria mais infecções, por isso vou dar mamam até no máximo até odis anos.[IMG]http://bebe mamando[/IMG] (L) (L) ;)

25-03-2008
1:09 pm

Claro que amamentar é importante por vários motivos, mas levar isso adiante por mais de um ano é exagero e em certo ponto até prejudicial psicologicamente pra criança. É como se ela ficasse estagnada numa fase e isso acaba atrasando seu desenvolvimento. As mamães devem ter pulso firme e tirar o peito mesmo…ninguém vai morrer de fome e nem deixar de estar sempre presente na vida do filho.
BJs!

25-03-2008
1:11 pm
AnninhaRJ

Ops, peraí, agora que li direito…criança que mama não contrai dengue? Quem disse isso????

27-03-2008
1:44 am

Meu bebe completará 3 anos no prox. mes(abril) e há 1 ano estou tentando tirar o que ele chama de "pêpê" . Tudo começou num dia que ele se maxucou e tive que por um band-aid no dedinho dele. Ele odiou, gritou espernegou, etc. Vi que o band-aid seria meu aliado. Então depois de alguns dias, dizia a ele que não era mais para ele tomar "pêpê" porque ele ja era rapaz, etc, etc. Não deu resultado. Foi então que passei a colocar 1 band-aid em cada mamilo e falei p ele que a mamãe estava dodói do "pêpê". Ate porque os dentinhos dele ja deixava uma marquinha no mamilo. As vezes eu saia pela manhã e quando voltava ele ja estava acordado, e me perguntava se eu tinha vindo do doutor e se eu ja tava bem do "pêpê". Cada questão dele, era uma ideia. Então dizia a ele que estava vindo do doutor e que havia tomado injeçao e iria tomar uns remedios para ficar boa. Assim ele foi esquecendo e passava semana sem "pêpê". Depois de alguns meses ele voltou a pedir para mamar, então passei um azeite(óleo) muito usado aqui na minha região: andiroba, so no mamilo, ele não suporta o cheiro e diz que não quer mamar. O Crystian come de tudo, não precisa mais de "pêpê". Adorei este site. Bejo para todos. (L) (CL) :D

29-03-2008
10:55 pm

Meu filho tem 1 ano e dois meses e ainda mama a noite e de dia, quando está doente. Creio que isso seja algo entre a mãe e bebê somente, pois se não fizer bem, mau não faz! Muita gente fica dizendo pra eu tirar o peito, porq ele ja é muito grande e tau, mas ainda sinto que não é o momento.
Ele estava até meio deligado do peit, mas teve uma amidalie e a única coisa que ele tomou foi leite materno, não conseguia tomar água, nem madeira, nem comida alguma.
A Organização Mundial de Saúde nos aconselha a amamentar até 2 anos ou mais, ou seja, não estamos erradas não em amentar nossos pimpolhos de 1 ano!
Sei que ´muitas veses é cansativo, e podemos até pensar ser inútil, pois sei que meu bebe não se alimenta mais de meu leite, mas creio que até agora só tem feito bem a saúde dele, prevenindo-o de mais infecções e também fortalecendo o laço de afeto entre mãe e filho! ;)

30-03-2008
8:21 pm

Eu parei de amementar quando minha filha completou 1 ano ,pois um ano já é suficiente não me arrependo pois se eu não fosse forte aposto que estaria mamando até hoje. Tudo na vida tem que ter limites uma amiga minha amamentou até 3anos e meio.Um tremendo ABSURDO.

31-03-2008
3:23 pm

minha filha esta com 1 ano eu estou tentando tirar mas esta decisão esta sendo muito dificil pela falta que ela ja sente de mim durante o dia, logo acabo ficando com do.

31-03-2008
5:26 pm
AnninhaRJ

A Organização Mundial de Saúde recomenda amamentar até dois anos porque em muitos locais as pessoas não têm condições financeiras pra ter uma alimentação adequada, então isso seria uma forma de garantir o mínimo de nutrição pra criança. Vários médicos já me disseram isso. Claro que mal à saúde não vai fazer, mas não temos que pensar só nisso e sim no desenvolvimento psicológico também. Lógico que se pudesse a criança ficaria amamentando eternamente, gente…nós que temos que por esse limite. Amamentar não é a única forma de proximidade com o filho.
Bjs.

03-04-2008
11:32 am
karol84

Não exite nenum tratato registrado sobre o assunto na área da psicologia que afirme, cientificamente que a criança que mame ainda com 1 ano de se desenvolver psicologicamente!!!
E como compartilhou a Junia, lá em cima, pra quem passado dia todo fora, amamentar é um momento esperado pela criança que passa o dia sem a mãe! e Insisto dizendo que é um vinculo entre mãe-e-filho, tão separados nessa nossa sociedade atual, onde temos que trabalhar! Não o único vinculo, claro!!!!!

04-04-2008
12:29 pm

Olá!
Meu filho irá completar um ano semana que vem e continua mamando no peito.Não acho que devo parar ainda, apesar de muitos acharem que sim. É a coisa mais maravilhosa e essa fase passa muito rápido. Devemos curtir cada momento.

05-04-2008
1:14 pm
ninefrota

Pois é gente, vou tentar mais uma vez, como a liliangia falou que o pior é só na primeira noite, quem sabe eu consigo. Realmente necessidade eu sei que meu filho já não tem nenhuma de mamar, pois com 02 anos e 5 meses já começa a atrapalhar como a pediatra dele mesmo disse. Eu vou tentar ser mais forte. O problema é que quando alguém vê ele chorando logo diz: – Tadinho dá um mamazinho pra ele!
É duro pessoal !!! Obrigada pelas mensagens.

05-04-2008
1:51 pm
AnninhaRJ

Não existe tratado de psicologia pra nada, mas como psicóloga posso dizer que mamar além dos dois anos desenvolve uma dependência maior quando comparada a outras crianças. E muitas vezes, como da pra perceber, essa dependência nem é muito da criança e sim da mãe.
bjs.

07-04-2008
3:14 am

Perdeu-se a noção de que o desmame não é um evento e sim um processo, que faz parte da evolução da mulher como mãe e do desenvolvimento da criança, assim como sentar, andar, correr, falar. Nesta lógica, assim como nenhuma criança começa a andar antes de estar pronta, nenhuma criança deveria ser desmamada antes de atingir a maturidade para tal.

Em harmonia com esta linha de pensamento, Dr. William Sears, um antigo pediatra, recomendava: "Não limite a duração da amamentação a um período pré-determinado. Siga os sinais do bebê. A vida é uma série de desmames, do útero, do seio, de casa para a escola, da escola para o trabalho. Quando uma criança é forçada a entrar em um estágio antes de estar pronta, corre o risco de afetar o seu desenvolvimento emocional". Essas palavras sábias podem ter pouco respaldo em sociedades individualistas, que tendem a acelerar o processo de independização do ser humano, substituindo o seio por métodos de auto-consolo como chupetas, paninhos, mantinhas, ursinhos, etc. Segundo diversas teorias, o período natural de amamentação para a espécie humana seria de 2,5 a sete anos. Atualmente, a Organização Mundial da Saúde recomenda aleitamento materno por dois anos ou mais, sendo exclusivo nos primeiros seis meses. Apesar dessa ecomendação, poucas mulheres no Brasil amamentam por mais de dois anos.

Algumas mães, de fato, desmamam para promover a independência da criança. No entanto, é importante lembrar que o desmame provavelmente não vai mudar a personalidade da criança. Além disso, o desmame forçado pode gerar insegurança na criança, o que dificulta o processo de independização. O desmame pode ser agrupado em quatro categorias básicas: abrupto, planejado ou gradual, parcial e natural. Sob a ótica de que o desmame é um processo de desenvolvimento da criança, parece razoável afirmar que o ideal seria que ele ocorresse naturalmente, na medida em que a criança vai adquirindo competências para tal. No desmame natural a criança se auto-desmama, o que pode ocorrer em diferentes idades, em média entre dois e quatro anos e raramente antes de um ano.

07-04-2008
11:26 am
Serliesther

bluesangel, falou tudo e muit mais o que eu estava pensando enquanto lia o que foi colocado pelas leitoras, cada uma na sua razão, claro, mas eu como mãe de primeiro filho, no caso, filha, não acho que o desmame seja tão brusco assim, não sei se eu conseguiria ver minha filha indo dormir soluçando de chorar por querer mamar, sem eu chorar junto. Sei que é uma coisa que terá que acontecer, inclusive a pediatra dela mesma já disse que qdo isso acontecer, o desmame, vai dar choro e gente sem dormir por pelo menos 3 noites. Ela está com um ano e dois meses, mas não pretendo desmamá-la tão cedo, nesse período em que minha filha nasceu, sofri na primeira semana por ela não querer mamar, depois que conseguiu pegar o peito, sofri por que rachou, agora só arde, pouquinho, qdo ela mama demais que geralmente é quando estou em casa, fim de semana, mas para mim é um prazer vê-la mamando, apesar de comer de tudo, até hoje nunca ficou nem resfriada, nunca teve nada de problema de saude, a nao ser o normal, cólica até 3 meses e meio, diarreia no nascimento de um dente canino. Ela é da linha dos bebes adiantados, e já está com 13 dentes ao todo. Mesmo a noite quando ela acorda chorando por querer mamar e eu estou muito cansada, pois trabalho fora o dia todo, não fico nervosa, a carinha dela me derrete. Tenho pausa para o almoço, e posso passar em casa e ainda permitir que ela dê umas bicadinhas no peito, rsrsrsrs, ela dorme mamando na hora do meu almoço, mesmo que tenha acabado de almoçar. Me desculpem as mamaes que são contra, mas é maravilhoso, e pretendo amamentar até os dois anos, quem sabe um pouco mais, rsrsrsrs. bjs a todas. e boa sorte nos desmames. :D (CL)

07-04-2008
12:00 pm
Serliesther

A principio, não vejo desenvolvimento dela sendo prejudicado, é claro, não sou especialista, sou mãe, mas muito pelo contrário, ela é bem independente, quando estou em casa ela fica no meu colo só quando cansa, quer dormir, caso contrário é brincando correndo, aprendeu se levantar sozinha, dar os primeiros passos sozinha, se segurar nos móveis sozinha, ela é toda para frente, avançada, nasceu com 4,255 kg, devido uma diabete gestacional que tive, mas nunca foi molona, desde que nasceu, eu a colocava de bruço dormindo ela mesmo virava a cabecinha. Não sei que tipo de prjudicial pode dar ao desenvolvimento da criança. bj.

×
Faça do Bolsa de Bebê
sua página incial
E também acompanhe: Newsletter